FANDOM


A origem do Koshchei O Imortal é revelada.

História da Publicação

"Como Koshchei Se Tornou Imortal" foi publicada em Janeiro e Fevereiro de 2009 como histórias secundárias para Caçada Selvagem #2-3. Foi recolhida na edição omnibus Hellboy: Weird Tales.

História da Publicação no Brasil

A história foi publicada pela primeira vez no Brasil na edição Hellboy: Contos Bizarros - Volume 1 (Edição de Ouro) em 17 de Julho de 2017.

Sinopse

Parte Um

A história começa com um velho monge sentado em uma mesa de escrevendo as lendas da Rússia.

Koshchei era um homem normal de pouco status até que ele se tornou um soldado. Ele era um homem bom e justo na batalha, mesmo para seus inimigos. Isso incomodava seus capitães corruptos, por isso, uma noite eles o espancaram quase até a morte. Um dragão encontrou Koshchei, e se ofereceu para salvá-lo em troca de servi-lo nove anos. O dragão levou-o de volta para seu castelo no Trigésimo Nono Reino, onde trabalhou por nove anos. Quando o tempo acabou, o dragão tinha se afeiçoado a Koshchei e se ofereceu para lhe ensinar magia, mas Koshchei queria viver como um homem. O dragão deu-lhe uma camisa mágica que o protegia de todas as armas.

Koshchei voltou para o mundo e tornou-se um soldado novamente. À medida que sua fama se espalhou ele se casou com a filha de um rei, mas a princesa ressentia de ser forçada a casar com um plebeu. Ela roubou a camisa e falou com um nobre para matá-lo enquanto ele dormia.

Parte Dois

O corpo de Koshchei foi levado para a floresta e encontrado pelo dragão. O dragão usou de grande magia para trazê-lo de volta dos mortos. O dragão manteve sua alma separada de modo que, enquanto se mantivesse seguro, Koshchei não poderia morrer. Eles esconderam sua alma dentro de um ovo, dentro de um pato, dentro de um coelho, dentro de uma cabra escondida em uma árvore oca.

Koshchei voltou para o mundo, e tomou sua vingança contra seus assassinos. Sua esposa implorou por misericórdia, mas já sem alma não tinha qualquer misericórdia para dar.

Ligações com Outras Histórias

Este conto é narrado pelo mesmo monge que narrou O Banquete de Baba Yaga.

Cronologia da História

Essa história não tem data exata, mas provavelmente aconteceu depois de Abrigos Rompidos e antes de O Banquete de Baba Yaga.